Blog

O que é eficiência energética? Qual a sua relação com equipamentos industriais?

Você sabe o que é eficiência energética? Sabe quais são os principais equipamentos utilizados em uma operação industrial?

Não se preocupe se você não souber!

Neste artigo nós abordaremos todos esses assuntos e mostraremos qual a importância da eficiência energética para uma indústria.

Animados?!

O que é eficiência energética?

Hoje em dia, para que qualquer atividade (até atividades humanas) é necessário que haja algum tipo de troca de energia.

Portanto, como já sabemos, é impossível vivermos sem energia. Além de todo o seu papel importantíssimo no mundo, ela é aplicada nos mais diferentes produtos e aparelhos, sendo utilizada desde em lâmpadas e luminárias até em fábricas e operações industriais.

Entretanto, como este artigo possui como foco entender a relação entre eficiência energética e equipamentos industriais, vemos que equipamentos e sistemas podem ser os responsáveis em transformar a energia em uma determinada operação.

Mas o que é eficiência energética?

Eficiência energética é a relação entre a quantidade de energia que está sendo utilizada para que a operação realize suas atividade e a quantidade real de energia que é necessária para a utilização desta atividade.

Assim, ela é aplicada justamente para melhorar os meios e as formas de aplicação desta energia, evitando desperdícios em sua operação.

Portanto, com a eficiência energética é possível entender se você está empregando mais energia do que o necessário em determinada atividade industrial.

Para maiores informações sobre eficiência energética, acesse o artigo: “Eficiência energética: o que é e qual a sua importância?”

É fundamental evitar desperdícios durante todo o seu processo produtivo industrial, ou seja, é importante evitar gastos desnecessários para que os resultados do seu processo sejam interessantes.

Equipamentos industriais e eficiência energética

Como já entendemos o significado de eficiência energética, vamos entender um pouco mais sobre como ela pode ser utilizada nas indústrias?

Então, em um ambiente industrial com motoredutores siemens, himmel ou simogear, redutores de velocidade industrial, acoplamentos mecânicos é fundamental que você tenha uma eficiência energética em sua operação. Pois todos os custos relacionados à sua operação, são relevantes e impactam os seus resultados no fim do mês.

Você não sabe qual a diferença entre redutores e motoredutores? Acesse nosso artigo sobre redutores e motoredutores.

Assim, ao utilizar equipamentos, como motoredutores, de forma eficiente e lógico, sem forçá-lo a operar em cargas extremamente elevadas, os seus resultados e produtividade serão mais satisfatórios.

Logo, a eficiência energética está diretamente ligada à produtividade e aos custos da sua operação.

Porém, lembre-se que redutores, motoredutores e equipamentos similares são peças fundamentais para que uma operação atinja o nível de produtividade que é esperado. Assim, é fundamental fazer manutenções periódicas nessas máquinas.

Além disso, entender quais são as suas necessidades operacionais fará com que você saiba qual equipamento está utilizando mais energia do que é necessário. Assim, é possível melhorar os gargalos e otimizar a sua produção.

Conclusão

A eficiência energética é feita a partir de uma análise integrada que tem o intuito garantir uma maior eficiência e eficácia das máquinas e equipamentos operacionais.

Ou seja, você atinge os mesmos resultados, gastando menos energia, através de uma visão sistêmica.

Assim, a diferença da eficiência para a economia de energia, é que a economia busca apenas diminuir a utilização de um determinado recurso. Porém, essa economia pode afetar diretamente o modo como o equipamento opera, diminuindo a sua produtividade.

Portanto, é importante tentar evitar possíveis desperdícios energéticos e manter os mesmos níveis produtivos, para que você otimize os resultados da sua empresa.

Ficou claro? Espero ter ajudado e até a próxima!

Artigo produzido pela Acoplast Brasil, empresa referência em acoplamentos, redutores, motoredutores, freio contra recuos e anéis de contração no mercado.